Jogos de Cartas

O mundo das cartas nas suas mãos

Mico

O Mico é um jogo infantil, de origem desconhecida, que pode ser jogado por 3 ou mais participantes. Dependendo do número de jogadores, utiliza-se um ou dois baralhos, sem os coringas. As cartas não têm valor.

Objetivo

Acabar com as cartas da mão, fazendo o maior número de pares possível.

Regras

Antes do início do jogo deverá ser escolhido um carteador.

O carteador embaralha as cartas e permite ao jogador à sua direita o corte do baralho. O jogador que cortar o baralho deverá retirar uma carta qualquer e colocá-la no centro da mesa, com a face voltada para baixo.

O carteador distribui todas as cartas, uma a uma, entre os jogadores.

Depois de distribuídas as cartas, os jogadores verificam os pares possíveis de serem formados (levar em conta apenas os valores e não os naipes na formação dos pares) e abaixar os pares (cada jogador abaixa o par formado na sua frente, sem juntar os pares).

Assim que todos já tiverem abaixados os pares formados em suas mãos, inicia-se o jogo propriamente dito.

O jogador à esquerda do carteador pega uma carta aleatoriamente dentre as presentes no leque de cartas do jogador à sua esquerda. Se um par for formado, o jogador abaixa esse par junto com seus outros pares.

O jogo segue dessa forma até que um jogador fique com uma única carta na mão. Essa carta é chamada de mico, pois o par dela deverá ser a carta que está no centro da mesa.

Assim que acabarem os jogos, são contadas as quantidades de pares de cada jogador, sendo que o possuidor do mico não deverá contar seus pares.

O ganhador

Ganha o jogo o jogador que tiver feito o maior número de pares dentre os jogadores ainda participantes.

Penalidades

Caso haja algum erro e o jogo termine com um jogador com 2 cartas sem pares ou dois jogadores acabem cada um com uma carta, não formando par, todos os jogadores deverão verificar entre seus pares se não há alguma carta errada. O jogador que cometer a infração ficará de fora da contagem dos pares.